Menu

Blog do Verissimo

É só mais um blog

Instalação do JBoss EAP 6

Existem cinco formas diferentes de realizar a instalação do Jboss EAP.

  1. Com a instalação via extração de arquivo ZIP, você pode instalar o EAP simplesmente extraindo o arquivo ZIP.
  2. Instalação via RPM. Para instalar a EAP 6 em uma plataforma THEL 6.x o comando é:
yum groupinstall jboss-eap6
  1. Instalação via instalador gráfico. Novidade no EAP 6, agora você pode instalar a Jboss usando o instalador do EAP, um arquivo JAR executado como uma interface gráfica.
  1. Instalação via console. Você pode usar o instalador do EAP num console e responder as perguntas via texto.
  1. Instalação Automática. O instalador do EAP pode executar automaticamente a partir de um console usando um arquivo XML de instalação automática.

Porém vamos focar na instalação via Extração do arquivo ZIP, que é a maneira mais simples de instalar o EAP.

Instale o JDK

Neste artigo não trataremos as alternativas e nem as versões certas para se instalar o JDK, portanto será usado o método de instalação via yum do OpenJDK.

yum install java-1.7.0-openjdk-devel

Baixe o arquivo zip do Jboss EAP diretamente do site da RedHat.

  1. Acesse: https://access.redhat.com
  2. Clique em Downloads.
  3. Click Red Hat Jboss Enterprise Application Platform na lista de produtos.
  4. Faça login para acessar o painel.
  5. Selecione a versão que deseja 6.X.
  6. E clique em Download no arquivo “Red Hat JBoss Enterprise Application Platform 6.X.X”
É possível baixar de forma livre o Jboss EAP diretamentedo site Red Hat Developer Program.
  1. Acesse: http://www.jboss.org/products/eap/
  2. Clique em Download no menu esquerdo.
  3. Depois em “View Older Downloads”.
  4. E selecione a versão desejada.
  5. Faça login ou se cadastre, após isso será enviado um link para download.

Processo de instalação via ZIP file.

  1. Mova o arquivo zip até o local desejado, neste caso iremos usar a pasta /opt.
    mv jboss-eap-6.x.zip /opt
  2. Descompacte o arquivo.
    unzip jboss-eap-6.x.zip
  3. Este diretório criado após a descompactação será o seu EAP_HOME

Navegue até a pasta em /opt/jboss-eap-6.x, você verá todas as pastas necessárias para o jboss funcionar em seu servidor.

Examine a pasta chamada bin, que contém vários scripts, incluindo os scripts usados para iniciar o EAP no modo de domínio e no modo standalone. Neste primeiro momento vamos focar em inicializar o jboss em modo standalone, navegue até bin/init.d e cópie o arquivo jboss-as-standalone.sh (script de inicialização) para dentro de /etc/init.d (Rhel6/CentOS6) ou para dentro de /etc/systemd/system (Rhel7/CentOS7) e faça a criação do serviço de acordo com a versão do seu SO.

Inicie o JBoss standalone

Para executar o Jboss EAP sem precisar configurar como serviço execute a linha abaixo:

/opt/jboss-eap-6.3/bin/standalone.sh

OBS.: Para parar a aplicação basta executar um CTRL + C neste comando, se o seu desejo é executar o jboss em background adicione o & ao final do comando, para parar a aplicação em modo background você deve dá um kill no PID do processo.

/opt/jboss-eap-6.3/bin/standalone.sh &

Pronto, seu Jboss EAP 6.x iniciará normalmente com os serviços necessários para o seu funcionamento.

Navegue até: htttp://localhost:8080 e você verá uma tela de boas-vindas.

Console de Gerenciamento Web

Inicialmente, antes de acessar o console de gerenciamento, é necessário criar um usuário e definir sua senha. Para isso usaremos um binário presente na pasta bin chamado “add-user.sh”.

Clique na imagem abaixo para verificar os passos.

Após a criação do usuário acesse: http://localhost:9990 e entre com o usuário e senha criado.

JBoss EAP 6 / JBoss AS 7

Para entender melhor existem três nomes diferentes de versões JBOSS (Jboss AS, Jboss EAP e Wildfly).

Jboss AS (Jboss Aplication Server): Mantida por um grupo de desenvolvedores no formato de código aberto, sempre esteve mais atualizada que o Jboss EAP (versão comercial), esta versão tem como objetivo permitir uma maior agilidade na inclusão de novas funcionalidades e para se integrar com as novas versões de Java e Java EE.

Wildfly: Sucessor do Jboss AS, sua versão inicial foi a Wildfly 8, substituindo a versão anterior do Jboss AS 7. Em 2012 a RedHat atráves de uma pesquisa para o público resolveu alterar o nome da versão Jboss AS, o nome escolhido foi o Wildfly. Esta mudança de nome, segundo a companhia, representa uma nova fase do software, bem como o surgimento da próxima geração dos servidores de aplicação.

Jboss EAP (JBoss Enterprise Aplication Platform): Tem como principal objetivo ser um produto corporativo, com um ciclo longo de vida sem a adição de novas funcionalidades e com um suporte comercial da própria RedHat. Cada versão do Jboss EAP segue plenamente as especificações da versão equivalente do Java EE, por exemplo o Jboss EAP 6 segue plenamente as especificações do Java EE 6, já a Jboss EAP 7 segue as especificações do Java EE 7 e assim será por diante.

Em resumo o Jboss EAP 6 está para Jboss AS 7, assim como o Jboss EAP 7 está para o Wildfly 8.

Nesta série de artigos vamos priorizar falar sobre o Jboss EAP 6.

  1. Instalação do JBoss EAP 6